quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

na brisa do mar

mar e lindo eu curto tudo nele

vou ir não a mais nada aqui pra eu e ele

Num barco no meio do mar

com uma garrafa de rum a remar


será que tem algo melhor pra tomar

curtindo esse momento vou a onde devo ir

eu ja começo a sentir

você na esta aqui nas eu vou curtir por você e por mim


o Mar começa a me guiar começo então a sonhar

e pensar que ele me levara pra algum lugar

além desse mundo

ele me mostrará golfinhos a nadar sem rumo


ele sebe como curtir a a rima

essa vista e mais que linda

mas esse momento sonhei com ele essa e uma grande vida

agora vou aproveitar esse brisa


quanto viajo vejo seu rosto si distanciando nas não estou preocupado

vou guardar ele do meu lado

mar consegue escutar as suas rimas

você dizia que um dia isso aconteceria


ah amigo Você não esta aqui nas aposto que mar também senti a sua falta

a vida vai mundo da voltas mais isso não importa

você sente ar que puro então eu vou velejar no escuro distante de mim e todo mundo

e meu melhor amigo já esta sobre mar e triste ele morreu mais iremos nós encontrar

pergunte pro mar ele sabe onde me achar


na minha hora também irei buscar

um descanso tranqüilo pra eu me tranqüilizar

so não quer esquecer do mar

e do meu barco ele me levava sempre pra velejar